DICIONÁRIO DE ÓLEOS ESSENCIAIS: ASPECTOS FARMACOLÓGICOS, COSMÉTICOS, EMOCIONAIS E VIBRACIONAIS

DICIONÁRIO DE ÓLEOS ESSENCIAIS: ASPECTOS FARMACOLÓGICOS, COSMÉTICOS, EMOCIONAIS E VIBRACIONAIS

Confira um SUPER Dicionário de Óleos Essenciais com definições e efeitos em e Aromaterapia (aspectos farmacológicos e cosméticos) e Aromacologia (aspectos emocionais e vibracionais).

Dicionário de Óleos Essenciais Aspectos farmacológicos, cosméticos, emocionais e vibracionais

Tendo em vista que há um mundaréu de óleos essenciais e que cada um deles possui propriedades terapêuticas diferenciadas, imagine o quão bom seria se tivéssemos ao alcance das mãos uma espécie de “dicionário” específico no qual, além de simples definições, também constassem tanto os aspectos farmacológicos e cosméticos quanto os emocionais e vibracionais de cada óleo essencial?

Pois bem, a fim de ajudar-lhes a conhecer e decidir quais óleos essenciais mais lhes convém, eis aqui um Dicionário – baseado nas pesquisas da equipe de especialistas da Laszlo, uma das maiores e mais respeitadas empresas de Aromaterapia da América Latina – que resume e simplifica a atuação e benefícios de diversos óleos essenciais. É claro que, por ora, não tenho como colocar na lista todos os óleos essenciais existentes na face da terra, porém tentarei colocar – ao menos – os óleos essenciais mais procurados e utilizados por aromaterapeutas e simpatizantes. Com o decorrer do tempo e ajuda de vocês espero que esse Dicionário de Óleos Essenciais ganhe novos integrantes.

A lista abaixo está em ordem alfabética, cada óleo essencial listado será acompanhado de suas características e efeitos em e Aromaterapia (uma técnica; aspectos farmacológicos e cosméticos) e Aromacologia (um estudo; aspectos emocionais e vibracionais).

Complicado de entender? Então vamos a algumas definições básicas:

Dicionário de Óleos Essenciais Aromaterapia e Aromacologia

O que é Aromaterapia
Aromaterapia é uma técnica que nasceu na França nas primeiras décadas do século passado, e envolve a utilização de óleos essenciais com o objetivo de equilibrar a mente, o corpo e o espírito. A palavra “aroma” se remete a cheiro e “terapia” a cura. Se dividiu em dois grandes sistemas: a Aromaterapia inglesa, que se fixou mais no emprego dos óleos essenciais para o bem-estar, seja através da massagem, inalações ou tratamentos estéticos, e a Aromaterapia francesa (ou aromatologia) que, além destas abordagens, abrange o emprego clínico dos óleos essenciais e seu uso como fitoterápico. A Aromatologia concebe todo o estudo científico dos efeitos e propriedades dos óleos essenciais, desde sua ação psicológica, aspectos clínicos, gastronômicos, estéticos e energéticos, é o estudo científico dos óleos essenciais.

Atualização Fev/2016: Quer aprender a fundo como usar óleos vegetais graxos e óleos essenciais na sua rotina diária de beleza e bem-estar? Acompanhe a série “Aromaterapia para Iniciantes”! Novo vídeo da série toda sexta-feira no canal – Inscreva-se AQUI.

O que é Aromacologia
Aromacologia é um termo criado para descrever o conceito desenvolvido para o estudo das inter-relações entre psicologia e tecnologia de fragrâncias. A marca AROMA-CHOLOGY® foi registrada em 1989, pelo Sense of Smell Institute, formalmente conhecido como Fundação para Pesquisa do Olfato. A Aromacologia trabalha ativando determinadas áreas do sistema límbico e do hipotálamo, que controlam a maioria das funções vegetativas e endócrinas do corpo.

A Aromacologia foca alcançar os efeitos positivos causados pelos aromas em todo organismo, nas emoções e no humor, para trazer bem-estar e melhorar a qualidade de vida humana. Em paralelo, o tratamento terapêutico realizado através do emprego dos óleos essenciais deve sempre ser conduzido e orientado por um médico ou terapeuta especialista, que avalia e acompanha o quadro de cada paciente, analisando-o dentro de uma abrangente visão, levando em consideração os aspectos físicos, mentais e emocionais de cada indivíduo.

A indústria da perfumaria e cosmética vem a trabalhando cada vez mais com o conceito da Aromacologia, com o objetivo de desenvolver estudos e pesquisas para acompanhar os efeitos das fragrâncias sobre o comportamento humano.

*Fonte: Laszlo

Dicionário de Óleos Essenciais – Notas prévias: Coisas que você precisa saber!
Dicionário de Óleos Essenciais Laszlo

Sobre a confiabilidade das definições de cada óleo essencial
As definições abaixo foram compostas pelos especialistas da Laszlo e/ou pelo próprio Dr. Fábián László, quem idealizou e construiu a empresa Laszlo. Em 15 anos de existência a Laszlo tornou-se referência na América Latina em vários ramos da Aromaterapia e Saúde Holística, desde a fabricação à disseminação de conhecimento, inovação (a Laszlo foi a primeira em introduzir óleos essenciais extraídos via CO2 no Brasil e também iniciou no mercado a definição de quimiotipagem de óleos essenciais em seus rótulos) e diversidade de produtos (atualmente a Laszlo produz mais de 300 diferentes óleos essenciais, o maior acervo da América Latina).

Com tudo isso quero dizer: as definições desse “Dicionário de Óleos Essenciais” possuem o mais elevado grau de confiabilidade. Não são balelas nem falácias, são pequeníssimos resumos oriundos de anos de pesquisas.

Sobre a minha relação com óleos essenciais
Não sou Aromaterapeuta (por enquanto, pois tenho sério interesse em me especializar na área), sou simpatizante curiosa e interessada. Pesquiso bastante e utilizo óleos essenciais na minha rotina para diversos propósitos. Confesso que no início fui cética, mas desde que comecei a utilizar estes presentes naturais percebo na pele e na alma o tamanho poder de tais “gotinhas”. Aos poucos estou dividindo minhas experiências com vocês, e esse Dicionário de Óleos Essenciais por certo será retomado em vários posts e vídeos por vir.

Sobre consultar-se com Aromaterapeutas e indicações
Caso você queira entender melhor sobre óleos essenciais e receber orientações especificamente direcionadas às SUAS maiores necessidades, aconselho de coração que você se consulte com algum Aromaterapeuta, isso me ajudou bastante a ingressar no mundo dos óleos essenciais.

Indico de olhos fechados a Terapeuta Francine Pezeta (Pinheiros, SP, entre em contato com ela por e-mail [email protected], telefone (011)97545-5534, ou pela Fanpage AQUI). Ela me ensinou muito!

Caso você conheça ou atue como Aromaterapeuta, deixe registrado aí nos comentários conjuntamente com o contato e estado.

Sobre as siglas e terminologias dos óleos essenciais
Em alguns dos óleos essenciais abaixo haverá os dizeres “a/o LFC não mancha a pele”. Bom, LFC é sigla para Livre de Furanocumarinas, o que significa que o óleo essencial em questão não possui o composto químico bergapteno o qual é o causador da fotossensibilidade. Então, caso seu intuito seja usar o óleo em questão sobre a pele, procure pela versão “LFC” do mesmo.

Cada óleo essencial será acompanhado de suas derivações (se houverem) e nome botânico em latim, visto que utilizamos o mesmo nome popular para plantas diferentes, certifique-se de que seu óleo possui o mesmo nome científico desse Dicionário de Óleos Essenciais a fim de saber se a definição realmente é cabível a ele.

Sobre como escolher óleos essenciais antes de comprar
Atente-se para com a empresa responsável pela produção e a loja responsável pela venda do óleo essencial em questão. Óleos Essenciais são substâncias muito puras e delicadas, quaisquer adversidades em toda sua cadeia produtiva (do cultivo até a armazenagem) podem alterar as propriedades desses pequenos. Há muito óleo adulterado no mercado, e há muita loja que comercializa tais óleos sem nem mesmo saber disso (ou não, mas prefiro acreditar na ignorância honesta do que na ciência desonesta).

Para marcas de óleos essenciais indico e uso os da Laszlo, site AQUI. Dizem que os da Herbia e da by Sâmia também são ótimos, porém ainda não testei os óleos essenciais de tais marcas.
Para comprar óleos essenciais com segurança indico:
Loja Aromalândia AQUI (loja de cosméticos naturais especializada em aromaterapia. Uma das maiores revendedoras da Laszlo do país com uma variedade imensa de óleos essenciais o cupom ACORDABONITA dá desconto em todas as compras).

Dicionário de Óleos Essenciais Aromaterapia e Aromacologia Laszlo

Dicionário de Óleos Essenciais – de A a Z
Alecrim Cânfora (Rosimarinus officinalis)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Tônico que ajuda no alívio do cansaço e fadiga mental. Alivia dores de câimbras, contusões e torções. Em shampoos, aumenta o crescimento capilar. Estimula a circulação melhorando a drenagem linfática e aliviando dores nas pernas e varizes. Evite uso por hipertensos.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Para aqueles desatentos, cansados e sonolentos. Induz ao aumento de ondas beta na região anterior do cérebro e, por isso, ajudando a melhorar a concentração e a atenção que facilitam o aprendizado.

Anis Estrelado (Illicium Verum)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Equilibra o sistema endócrino feminino ajudando a amenizar sintomas de menopausa, TPM e cólicas. Estimula o aumento da produção de leite materno. Diurético, reduz edemas e auxilia na drenagem linfática. Devolve maciez e hidratação à pele madura. Reduz o crescimento de pelos.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Para os críticos e negativos que tem dificuldade de viver momentos de alegria com plenitude por terem tido a doçura e a afetuosidade “feminina” de seu arquétipo infantil ferido quando pequenos.

Bergamota (Citrus bergamia, a LFC não mancha a pele)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Reduz a ansiedade e o estresse, melhora a insônia e reduz a hipertensão (vasodilatador), além de ser neuroprotetor. Possui propriedades cicatrizantes e analgésicas. Utilizado em dermatites, seborreia, psoríase e hiper-hidrose. Cuidado, mancha a pele se for ao sol.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Dissolve nos inflexíveis e irritadiços seu pessimismo e autocrítica, tornando-os mais leves e calmos para fluir no mundo. Harmoniza os pensamentos estressantes trazendo clareza, harmonia e tranquilidade.

Camomila Romana (Anthemis nobilis)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Possui propriedades anti-inflamatórias benéficas e para a pele em casos de irritações, alergias, coceiras e picadas de insetos. É sedativo e ansiolítico, favorece o sono (reduz a insônia) agindo como tranquilizante. Útil no alívio de cólicas menstruais em geral e na melhora da rinite.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Age no coração dissolvendo mágoas, o ódio e promovendo a consciência do perdão. Para quem mantém pensamentos negativos, depressivos e suicidas. Para contato com as esferas angelical e espiritual.

Canela da China (Cascas, Cinnamomum cassia)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Estimulante metabólico, promove queima de gordura, reduz a flacidez e celulite. Poderoso antisséptico de vasta ação antimicróbica. É um anti-inflamatório útil contra o reumatismo e artrites. Utilizar na pele com cautela (0,5-1% em óleo) pois pode queimar, nunca use puro.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Óleo de energia solar que trabalha a expressão, rompendo limitações, timidez e medo. Dissolve tristezas e depressões. Favorece a libido e o desejo sexual. Aumenta a energia vital, diminuindo o cansaço.

Capim Limão (Cymbopogon citratus/ Cymbopogon flexuousus)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Promove relaxamento e reduz a ansiedade. Promove queima e redução de gordura, flacidez e celulite. Diminui a hipertensão (vasodilatador), é antifúngico (micoses), anti-inflamatório e antibacteriano de vasto espectro. Na pele, sempre usar diluído em carreador.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Relaxa e reduz ansiedade. Auxilia a trabalhar experiências dolorosas de rejeição, que é somatizada na forma de frustração e raiva. Favorece a externalização destas sensações guardadas para um trabalho consciente.

Cipreste (Europeu/ Lusitânica + antimicrobial, Cupressus sempervirens / lusitânica)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Adstringente indicado para tratamento de acne e seborreia. Melhora a circulação sendo útil na drenagem linfática, edemas, varizes e hemorroidas. Eficiente em furúnculos e abcessos, cistos sebáceos e sinoviais. Comumente empregado em micoses e frieiras.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Para aqueles que precisam trabalhar o desapego e a aceitação de perdas ou morte. Para diminuir o apego ao supérfluo, focando mais seu interior. Facilita a meditação, introspecção, o estudo e a concentração.

Citronela (Cymbopogon winternalus)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Repelente de insetos, principalmente moscas e mosquitos (inclusive o da dengue). Reduz a coprofagia em cães e a tendência a latir excessivamente. É antisséptico, anti-inflamatório (artrite) e antimicótico (muito útil em micoses de pele). Reduz a fome (inalação).

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Para aqueles que ao se confrontar com situações desagradáveis, manifestam agressividade e raiva, tendo dificuldade em dissolver sentimentos ruins dentro de si. Para pessoas invasivas e pegajosas.

Copaíba (Copaifera officinalis / reticulata)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Excelente cicatrizante, promove hidratação, cuidando da pele e cabelos. Eficaz anti-inflamatório e analgésico geral. Benéfico na endometriose, cistite, bronquite, artrite, reumatismo, fibromialgia e lábios ou seios rachados. Possui propriedades neuroprotetoras.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Para pessoas ansiosas e impacientes, nas quais a agitação mental deixa-as aéreas e sem foco. Age como um sedativo, ao mesmo tempo que trabalha a estabilidade e autoconfiança para tomar iniciativas na vida.

Cravo da Índia (o OE dos botões é mais suave, Syzgium aromaticum)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Possui ação antimicróbica potente. Útil na eliminação de verrugas e micoses de unha. É anticoagulante e anti-inflamatório. Analgésico em massagens, alivia a dor de aftas e dentárias. Repelente potente (mais que a citronela) de vários insetos (inclusive o mosquito da dengue).

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Para aqueles que precisam se sentir fortes e capazes novamente, reconhecendo seu potencial e analisando as causas de seus problemas e soluções. Fortalece a ação, iniciativa e coragem. Energiza o campo sutil.

Espruce (Branco e Preto, Tsuga canadensis / Picea mariana)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Possui qualidades relaxantes dos nervos. Indicado para melhorar o sono (insônia) na ansiedade e hiperatividade. É anti-alergênico (rinites, tosses, alergias de pele) e antiespasmódico (reduz cólicas diversas)

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Útil aqueles que cativam agressividade e intolerância ao próximo, sendo incapazes de reflexão ou dissolução destas emoções. Desperta a generosidade e a consciência para o trabalho e harmonia em grupo.

Eucalipto (Globulus / Cinérea / Radiata/ Eucalyptus sp.)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Expectorante, limpa o pulmão de catarro, útil em asma, efisema, bronquite e sinusite. Melhora a absorção de outros óleos essenciais pela pele. Combate piolho, pulgas e carrapatos. Possui efeito analgésico em dores musculares por massagem.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Trabalha conflitos pelo aprimoramento da comunicação. Para pessoas psiquicamente instáveis, contraditórias e que oscilam em ideias e emoções. Melhora a integração com a vida e atua como purificador geral.

Gengibre (CO2/ HD, Zingiber officinalis)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Rico em propriedades analgésicas, sendo um anti-inflamatório potente empregado no tratamento de reumatismo, artrite, nervo ciático e fibromialgia. O CO2 é mais eficaz em aquecer, queimar gordura localizada e melhorar a aparência da celulite. É digestivo e laxante.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Combate indisposição, fadiga e o desânimo. Aumenta a motivação, reduz a tendência à dispersão mental e melhora a assimilação. Para aqueles de temperamento lento, tímido e medroso. É afrodisíaco.

Gerânio (Bourbon/ Africano, Pelargonium graveolens)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Equilibrador hormonal feminino (TPM, menopausa). Antioxidante, renovador e rejuvenescedor da pele, útil em acne, psoríase, eczemas e rosácea. Eficaz contra candidíase. Trata a celulite e previne estrias melhorando a aparência da pele. É anti-inflamatório.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Útil aqueles conflitos internos com a figura materna ou o feminino. Se sentem-se sem apoio, são inseguros e têm medos diversos. Desperta a sensibilidade e melhora dificuldades de se relacionar com o outro.

Hortelã (Pimenta e do Campo, Mentha piperita / arvensis)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Expectorante (sinusites e bronquites). Analgésico no alívio de dores. Digestivo, reduz mau hálito. Refrescante em insolações e coceiras. Estimula a circulação e queima de gordura localizada. Melhora enxaquecas, remove manchas de pele e estimula crescimento de cabelos.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Para aqueles com a mente congestionada de pensamentos, dificuldade em de se concentrar e raciocinar. Traz clareza mental, melhora a atenção, revigora e cansaço e reduz o sono durante o dia. Purifica a aura e ambientes.

Laranja (Todos os tipos, Citrus aurantium / sinensis)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Possui efeito tranquilizador. Estimula o colágeno da pele. Depurativo e desintoxicante hepático. Muito utilizado em problemas de circulação e drenagem. Reduz o colesterol alto, facilita a digestão, reduz gases, melhora a prisão de ventre e combate a anorexia nervosa.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Para aqueles que se tornaram tensos, ansiosos e por vezes tristes, depressivos. Resgata a criança interior, trazendo à tona a alegria esquecida, reduz a ansiedade, dissolve o estresse, dá ânimo e motivação.

Lavanda (40/42, Fina – a mais potente, Levandula angustifólia)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Calmante e ansiolítica, favorece o sono e reduz a hiperatividade. Útil no tratamento de pele, por ser cicatrizante e regeneradora (queimaduras, acne, psoríase, assaduras, escaras, insolação, picadas, herpes, alergias). Possui qualidades neuroprotetoras.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Para aqueles tensos, estressados, que perdem o sono à noite, com esgotamento do corpo físico e das forças mentais. Promove profundo relaxamento trazendo uma sensação de liberdade e paz com a vida.

Lavandim (Abrialis/ Super/ Grosso, Lavandula x Intermedia)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Possui efeitos similares aos da lavanda, porém menos potente como calmante. A presença de cineol e cânfora, o torna muito útil no tratamento de rinites e sinusites (antialérgico e expectorante). Útil em massagens para relaxar nervos e músculos tensos.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Para os tensos, estressados e ansiosos. Ação similar a lavanda, trazendo paz, conforto e bem-estar. Como ela, ajuda a reduzir a impaciência, amenizar estados de choque, insônia e irritabilidade nervosa.

Lima (limão) Tahiti e Lima da Pérsia (Citrus aurantifolia / limettoides)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Utilizado na queima de gordura localizada, melhora a celulite, da má circulação (varizes, hemorroidas, flebite, trombose, aterosclerose) e na drenagem linfática. Possui ação depurativa e desintoxicante, é hepatoprotetor, reduz o colesterol. No sol mancha a pele, cuidado.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Pata aqueles que precisam ser estimulados para ideias mais claras e lúcidas. Promove a dissolução de memórias traumáticas. Facilita a organização da mente, reduz a ansiedade, trazendo bem-estar a alegria no dia.

Limão Siciliano (O LFC não mancha a pele, Citrus limon)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Desintoxicante e hepatoprotetor. Na pele e cabelos, reduz a oleosidade, limpa os vasos de entupimentos, sendo útil em varizes, aterosclerose, má circulação, flebite e trombose. Útil contra celulite (massagem) e na melhora da acne. Reduz o mau colesterol.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Auxilia na limpeza mental, trazendo clareza aos pensamentos, mais foco e objetividade. Deixa a mente mais desperta, reduzindo o sono e facilitando o estudo. Promove uma sensação de purificação e limpeza interna.

Leia também: Óleo de baobá o que é

Mirra (Todos os tipos, Commiphora mirrha / mukul)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Poderoso cicatrizante, útil em escaras, queimaduras e machucados. Útil na gengivite. Aumenta a imunidade. Ajuda no hipotireoidismo (mirra indiana). Na pele, promove a redução de rugas (especialmente mirra indiana – oleorresina/abs). Melhora a lubrificação vaginal (gel).

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Para pessoas que carregam dentro de si amarguras, intenso sofrimento e precisam transmutar experiências difíceis e dolorosas. Um óleo protetor que favorece a introspecção e reduz a sensibilidade ao negativismo.

Olíbano (Todos os tipos, Boswella carteri / serrata / frereana)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Imunoestimulante (aumenta a fagocitose e proliferação dos linfócitos). Melhora a imunidade da pele reduzindo inflamações e agindo como anti-aging (previne o envelhecimento da pele). Útil em problemas respiratórios como asma, rinite e bronquite. Melhora circulação.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Para aqueles que perderam a conexão com seu Deus interior, que não se adaptam ao mundo em que vivem. Permite o equilíbrio interno, favorece a meditação, a responsabilidade e encontro com a espiritualidade.

Orégano (Qt. carvacrol, Origanum vulgare)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Anti-inflamatório potente (artrite, reumatismo) e analgésico (dores em geral) e antimicróbico (candidíase, micoses, verrugas, infecções de todos os tipos e resistentes). Em xampu, estimula o crescimento capilar. Favorece a queima de gordura localizada em massagens.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Para aqueles que se sentem vulneráveis na vida, cansados e sem força e que são facilmente atacados e sugados de suas energias. Combate o tédio, a frustração e devolve a vitalidade perdida para lutar por seus ideais.

Palmarosa (Cymbopogon martinii var. motia)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Melhora a aparência da pele, promovendo regeneração celular, redução de manchas, rosácea e rugas, combate a acne. Auxilia na cicatrização (inclusive em escaras), reduz mau cheiro nas axilas e chulé. Possui efeito harmonizador dos hormônios femininos.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Para aqueles que precisam despertar o amor universal, mas impondo limites ao seu espaço para não serem abusados por terceiros. Equilibra o relacionamento com a figura materna, dissolve raiva e agressividade.

Patchouli (Todos os tipos, Pogostemon cablin)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Possui quantidades anti-inflamatórias, cicatrizantes, hidratantes e regeneradoras de pele (psoríase, dermatite, rachadura de pé, etc). Possui ação contra o vírus da gripe (antigripal). Fortalecedor de vasos frágeis, varizes e hemorroidas. Antimicótico útil contra frieiras.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Torna indivíduos mais responsáveis, menos críticos e capazes de valorizar as qualidades alheias, facilitando o entendimento do outro. Para quem começa e nunca vai ao fim, fortalece o idealismo e determinação.

Pimenta Negra (Pimenta do Reino, Piper negrum)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Tonifica os vasos. Melhora a aparência da celulite, ajuda na drenagem linfática e varizes. Em xampus, estimula o crescimento capilar e reduz a oleosidade. É considerado útil para parar de fumar. O óleo via CO2 arde e com isso é mais potente na estimulação da circulação geral.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Útil nas situações de falta de vitalidade, condicionadas pelo medo ou insegurança. Melhora a energia de expressão e ação do indivíduo. Facilita a tomada de decisões. Afrodisíaco, reduz a tristeza e melancolia.

Pinheiro Silvestre (Pinus sylvestris)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Inibe a degradação da cartilagem, prevenindo o agravamento da osteoartrite e da artrose. Melhora a calcificação óssea. Promove dissolução de cálculos renais e de cristais de gota. Possui efeito sedativo, aumenta a imunidade e melhora a circulação.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Promove a introspecção e o desapego, favorecendo aqueles que culpam a si mesmos, que acham que sempre poderiam ter feito melhor, culpando-se. reduz a ansiedade, favorece o trabalho conjunto e os estudos.

Rosa (Vermelha/ De maio/ Damasco, Rosa sp.)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Melhora a produção de colágeno na pele, promovendo rejuvenescimento facial. Cicatrizante e antioxidante (anti-aging). Previne o envelhecimento da pele. Harmoniza os hormônios femininos (menopausa e TPM). Reduz a agitação e ansiedade. Potente antioxidante.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Desperta o amor próprio e fraterno ao outro, trabalhando bloqueios ao feminino e ao arquétipo materno. Expande o coração e o interesse para a vida, rompe medos e timidez, harmonizando relações.

Sálvia Esclareia (a 3/4 é a que contém mais esclareol, Salvia sclarea)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Possui propriedades calmantes, ansiolíticas e antidepressivas potentes. Harmoniza os hormônios femininos (menopausa e TPM). Promove efeito regenerador e cicatrizante da pele (útil em escaras e queimaduras). Controla a transpiração excessiva de mãos e pés.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Reduz a confusão mental, a ansiedade ou o pânico para se ter uma visão mais clara da vida e absorver as impressões do outro de forma mais real. Facilita a meditação. Equilibra indivíduos compulsivos e obsessivos.

Tea Tree (Melaleuca alternifólia)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Imunoestimulante e antimicróbico de vasto espectro, útil em micoses, candidíase, caspa, infecções bacterianas, psoríase, herpes, gripe, viroses. Combate gengivite e melhora aftas. Mata piolho, ácaros, sarna, pulgas e carrapato. Muito eficaz na otite e no combate a acne.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Para aqueles que carregam conflitos sexuais, ninfomania ou se sentem impuros com seus pensamentos. Auxilia pessoas com tendência a se vitimar ou que descarregam em compulsões sua angustia. Purificador.

Vetiver (Vetiver zizanoides)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Anti-inflamatório útil no reumatismo e artrite. Imunoestimulante, antioxidante e antimicróbico. Considerado afrodisíaco, estimulante da libido e tônico de gônadas. Potente cicatrizante (escaras e queimaduras), regenerador e clareador de manchas escuras da pele.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Melhora a capacidade de raciocinar com pés no chão. Útil para pessoas desorganizadas e indecisas, sem autoconfiança e com dificuldade em aceitar seu próprio corpo. Harmoniza o arquétipo masculino (ânimus).

Ylang Ylang (Completo e frações, Cananga odorata)
Aromaterapia – Aspectos farmacológicos e cosméticos: Sedativo, antidepressivo e calmante, reduz a ansiedade e favorece o sono. Reduz a oleosidade excessiva do couro cabeludo e face. Possui efeito rejuvenescedor e cicatrizante da pele. Harmoniza os hormônios femininos (menopausa e TPM). Ajuda a reduzir a hipertensão arterial.

Aromacologia – Aspectos emocionais e vibracionais: Para indivíduos com dificuldades em expressar sua afetividade, com problemas de toque e contato, traumas ou bloqueios sexuais, e atitudes egoístas. Relaxa e facilita o sono. Afrodisíaco, melhora a libido e o desejo.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *